Conheça a Unno

 

História

O projeto que capacita refugiados como professores de cursos de idiomas começou em 2015. A ideia, que nasceu dentro do Instituto Adus, é valorizar os conhecimentos que os refugiados trazem dos seus países de origem. Com o ensino do idioma que eles dominam, buscamos uma forma de integração com os brasileiros e geração de renda para os refugiados e o Instituto.

Os refugiados recebem aulas de português no Instituto Adus, organização que busca garantir oportunidades e dignidade aos estrangeiros que chegam ao Brasil.

Aqueles que comprovam fluência em inglês, francês ou espanhol, são selecionados para capacitação de ensino de idioma no projeto com os coordenadores pedagógicos.

Após a capacitação dada pelos coordenadores, os candidatos são avaliados se estão aptos a ministrar aulas dentro da metodologia adotada e a preparação para atuar em outras escolas.

Uma parte do pagamento é feita direto aos professores, gerando renda para os refugiados. Outra parte é feita para o Adus, colaborando com a continuidade do projeto.

 

Missão e statment

A missão da Escola Intercultural Unno é oferecer o melhor ensino de idiomas para nossos estudantes e clientes, com custo-benefício acessível e excelente atendimento.

Para os professores, nossa missão é gerar um ambiente profissional acolhedor, com espaço para crescimento e aprendizado. Queremos auxiliar refugiados e imigrantes a conquistar seus sonhos e aspirações.

Para guiar nossa metodologia de ensino, adotamos materiais de mercado recentes e de alta qualidade. O foco do nosso ensino é voltado para conversação, alinhado à modelos contemporâneos de aprendizado.

Seguir alto padrão de desempenho e conquistas

Usar diversos métodos de ensino para atender às necessidades dos alunos

Promoção da diversidade e compreensão transcultural do mundo

Aprimoramento constante das aulas e do Instituto

Proporcionar um ambiente de ensino sociável e confortável

Metodologia

Nossa metodologia é guiada em materiais de mercado. O foco do nosso ensino é voltado para conversação de modelos tradicionais. A metodologia é baseada em quatro pilares:

Conversação

Leitura

Escuta

Escrita

 

 

 

 

Prêmio Diversidade

O Selo de Direitos Humanos e Diversidade, instituído pelo Decreto nº 58.180, de 05 de abril de 2018, é uma política de reconhecimento de boas práticas de promoção dos direitos humanos e valorização da diversidade, implementadas por organizações públicas e privadas que atuem na cidade de São Paulo.

 

Professores 

Parceiros

Quer saber mais
sobre a Unno?

Conheça o projeto